Agora não Pai

Anúncios

PUBLICA X PRIVADA_editado-1
“O aluno que inseriu na redação do Enem a receita do miojo deixou um recado claro: a receita de escola desandou.No passado a escola era um espaço físico, dedicado à aquisição de conhecimentos certificáveis, que só os professores detinham. O professor era um profissional supostamente capaz de saber o quê e como ensinar. Os ritmos escolares balizavam o tempo desse aprendizado que se sucedia ao longo de anos. Todas essas premissas estão postas em questão…”
Continue lendo Uma escola sem receita
Rosiska Darcy de Oliveira é escritora
(O GLOBO, 30/3/2013)

madalena_jesus
Sem nada por que chorar
senão o túmulo vazio
e dois anjos a arrumarem a casa
vazia para sempre
sem nada sobre o que derramar o seu incenso

as mulheres
recém chegadas ao sepulcro
vão gastar os olhos na vigília

as mulheres sem um corpo onde encostar
o seu olhar silencioso
o fio das suas lágrimas

e regressam, as mulheres
regressam com o vento nas sandálias

as mulheres que vêm com o medo
mas com os cabelos como os ramos
perfumados de alegria.
Feliz Páscoa a todos os leitores.
Clique para ler os textos:
Prova de amor maior não há… e Morte e Ressurreição

natureza
A cidade de Túnis, capital da Tunísia (África), recebe a partir desta terça-feira (26 de março), o Fórum Social Mundial 2013. Assim como nos outros Fóruns Sociais Mundiais (FSM) serão cinco dias de diversas atividades propostas por entidades da sociedade civil, movimentos sociais de todas as partes do mundo e ativistas que participaram da Primavera Árabe. Os debates previstos variam entre causas feministas, ambientais, anti-capitalistas, sindicais, pró-Palestina, democráticas, entre outras. Segundo Chico Whitaker, são 2700 organizações e 1500 atividades auto-gestionadas no evento de Tunis.Dentro do bloco ambiental apresentamos um artigo de Leonardo Boff: Três cenários do drama ecológico atual
Aconselhamos também a visão do vídeo “Man” de Steve Cutts http://www.youtube.com/watch?v=WfGMYdalClU

charge-educacao-descaso
Com a rede municipal de ensino em situação considerada “precária” pelo Ministério Público Federal (MPF), a prefeitura de São Luís no virou alvo de uma ação civil pública. O órgão acusa a cidade, e também o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e a União, de negligência no uso das receitas repassadas à capital maranhense, que levou ao quadro atual.
Uma denúncia anônima levou o MPF a identificar, entre outros problemas, um déficit de carga horária de 2011 ainda não reposto, falhas estruturais em prédios escolares e falta de professores.
Segundo as investigações do MPF, vistorias identificaram que diversas escolas precisavam de reformas, mas receberam apenas reparos na pintura externa dos prédios. Algo contestado pela administração da cidade. “Em menos de 60 dias [desde a assinatura do TAC], 80 unidades de educação básica receberam intervenções emergenciais de retelhamento e reestruturação das redes hidráulica e elétrica, os trabalhos emergenciais continuam nas outras 70 unidades. Também está em processo licitatório para manutenção permanente das escolas.”
Um corpo técnico especializado do Ministério Público ainda identificou que os ônibus escolares de São Luís representam riscos para os passageiros, devido à superlotação, ausência de identificação e baixa capacitação técnica dos condutores. A prefeitura alega estar licitando a contratação de uma empresa que atenda às exigências do Ministério da Educação, pois cerca de 4,5 mil alunos necessitam do transporte escolar para estudarem.
O MPF constatou também que a alimentação oferecida nas escolas é pobre em fibras e nutrientes, ao que a Secretaria de Educação respondeu realizar “inspeções” técnicas para garantir a qualidade da merenda.
Em meio aos problemas, o MPF identificou que até o primeiro semestre deste ano, a capital maranhense recebeu quase 4 milhões de reais do Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae) e cerca de 33 milhões do Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate). Os recursos estavam, no entanto, retidos desde 2009.
O Ministério Público acusa os programas e a União de serem omissos com em fiscalizar os repasses e a aplicação dos recursos.
Desde o início de 2011, o Conselho de Alimentação Escolar (CAE)/Fundeb e o Conselho de Acompanhamento e Controle Social do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Cacs/Fundeb) estão desativados. Uma situação que levou as prestações de contas do gestor municipal a se acumularem.
O MPF quer, liminarmente, que a prefeitura elabore um plano para recuperar os alunos que evadiram das escolas em 2012, além de corrigir todas as irregularidades apontadas pelo órgão. (fonte: Carta Capital)
* Veja na barra esquerda o Documento da CJP entregue ao Prefeito, com as propostas para melhorar São Luís.

presídio
Papa Francisco realizará uma importante cerimônia na semana na capela de um reformatório juvenil, e não no Vaticano ou numa basílica romana onde a celebração já aconteceu no passado, disse o Vaticano nesta quinta-feira.
Na tarde da Quinta-Feira Santa, o papa conduzirá a missa de lava-pés no Casal del Marmo, prisão para menores delinquentes nos arredores de Roma.
Durante a cerimônia, o papa lava e beija os pés de 12 pessoas, evocando o gesto de humildade de Jesus com seus apóstolos na noite que antecedeu à crucificação.
Até onde se tem registro, todos os papas anteriores realizaram a celebração na basílica de São Pedro, no Vaticano, ou na basílica de São João Latrão, que é a catedral do papa na sua condição de bispo de Roma.
Quando era arcebispo de Buenos Aires, o então cardeal argentino Jorge Mario Bergoglio –eleito papa na semana passada sob o nome de Francisco– costumava realizar a celebração do lava-pés em uma prisão, hospital, asilo para idosos ou com os pobres.

ramos
“Contam que uma vez num grande encontro, Dom Helder se dirigiu à madre Teresa e lhe perguntou: “O que a senhora faz para que momentos assim não a deixem vaidosa?”
E ela, com naturalidade, respondeu ao prelado: “Muito simples: lembro-me do Domingo de Ramos e digo a Jesus: “Tu é que estás entrando aqui e sendo aclamado. Eu não passo do jumentinho que te carrega!”
Resposta que induz à reflexão durante a Semana Maior”.
Ao que parece, ninguém esperava o Messias Servo, anunciado pelo profeta Isaías (Is 42,1; 49,3; 52, 3). Eles não se lembraram de valorizar a esperança messiânica como serviço do povo de Deus à humanidade. Cada um, conforme os seus próprios interesses e conforme a sua classe social, aguardava o Messias, livrinho na mão, querendo encaixá-lo na sua própria esperança. Por isso, o título Messias, dependendo da pessoa ou da posição social, podia significar coisas bem diferentes. Continue lendo Jesus, o empregado de todos, montado num animal de carga

Este slideshow necessita de JavaScript.

Juventude
Amigos e amigas, como podem ver no marcador da barra lateral, as “Quartas de Paz” iniciam no dia 20 e terão como tema “Juventude é Vida”. Na primeira noite planejamos um interessante painel com jovens de ontem e de hoje.Esperamos por todos vcs. no auditório da Livraria Paulus, às 19 hs. Como presente anexamos um interessante resumo do texto base da Campanha da Fraternidade: CF 13- Juventude- Síntese

Jo 8
Este episódio (Jo 8,1-11), melhor do que qualquer outro ensinamento, revela que Jesus é a luz que faz aparecer a verdade. Ele faz aparecer o que existe escondido dentro das pessoas, no mais íntimo delas. À luz da sua palavra, os que pareciam os defensores da lei se revelam cheios de pecado e eles mesmos o reconhecem, pois vão embora, a começar pelos mais velhos. E a mulher, considerada culpada e merecedora da pena de morte, está de pé diante de Jesus, absolvida, redimida e dignificada… continue lendo clicando O encontro de Jesus com a mulher que ia ser apedrejada

Até Natal 2015

2015: NO BRASIL É O ANO DA PAZ25 de dezembro de 2015
Amigo/a, participe das iniciativas da Comissão Justiça e Paz e contribua para o crescimento da cultura de paz

Clicar na imagem para ler o documento da Semana Social Ludovicense, já entregue ao Prefeito

Clicar no marcador de texto para ver o calendário das Quartas de Paz 2014

Posts recentes

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos

dezembro 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  
dezembro 2017
D S T Q Q S S
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31